Blog

Blog

31 de Janeiro de 2019

Logotipos: mais que um símbolo, uma responsabilidade!

Além de ser único e fácil de se identificar, um bom logotipo deve ser esteticamente agradável e tecnicamente viável. Mas o que isso quer dizer?

Após entender um pouco sobre os elementos que fazem uma marca ser bem posicionada, vamos falar sobre o logotipo. Se você não entende o significado desta palavra, nós explicamos! Logotipo é a cara da sua empresa. É ele que vai fazer com que os clientes identifiquem e se lembrem de sua empresa. Ou seja, é a forma como o nome da sua empresa é apresentado graficamente. Ele pode ser composto apenas por tipografias (letras) ou combinar tipografia e símbolo.

Por mais que possa parecer tarefa simples, criar um bom logotipo é um desafio que exige muita dedicação do designer responsável. Existem vários quesitos que devem ser respeitados para elaborar um logo.

O primeiro quesito é ser legível. Um logotipo precisa oferecer, antes de qualquer coisa, boa leitura para ter fácil identificação. Para isso, deve-se estar atento para a escolha da tipografia que garanta a legibilidade, mesmo em pequenos formatos.

A escolha das cores e das formas é fator de extrema relevância, afinal, são esses elementos que transmitem os conceitos, representam a personalidade da empresa e tornam sua marca única e inconfundível no meio de tantas outras.

Outro desafio é ser atemporal. Não se troca de logo a toda hora, portanto, ele precisa permanecer atual mesmo com o passar dos anos, sem elementos que sejam relacionados a épocas ou modismos, a menos que esse seja o seu objetivo.

Estudar as aplicações do logotipo é fator indispensável! Independentemente da área de atuação de sua empresa, o logotipo pode ser aplicado em diferentes peças, como em um post em uma página na internet, impresso em um cartão, bordado em uma camisa, ou ainda identificando uma fachada, por exemplo.

Para aplicar o logotipo corretamente em cada um desses itens, há cuidados que devem ser tomados para que ele não se descaracterize. Afinal, é primordial que em todas as aplicações, o logotipo tenha suas características fielmente preservadas: cores, formas e proporções. Isso é o que garante a padronização da marca, promove a identificação visual e transmite o profissionalismo e solidez da marca.

Você não quer que sua empresa seja só mais uma no mercado, certo? Então investir em um logotipo e identidade visual é essencial para conseguir transmitir sua imagem, sua mensagem e posicionar sua marca no mercado.

E mais: além do logotipo, deve-se exigir um manual de identidade visual. Na Com5 entregamos um pequeno guia com normas de aplicação de marca, incluindo códigos de cores, fontes tipográficas, margens, proporções, versões reduzidas e mais  informações indispensáveis para garantir que a sua marca apareça de forma consistente e profissional em todos os lugares!